Livro ~ Cidades de Papel

Resenha livro Cidades de Papel

Cidades de Papel conta a história de Quentin, um adolescente que tem uma paixão platônica por sua vizinha e amiga de infância Margo. Há alguns anos eles se distanciaram, e Margo não faz mais parte de seu círculo de amizades, até que em uma noite ela invade seu quarto e pede que ele a ajude em um plano de vingança.

Após uma noite cheia de aventuras, Margo desaparece e deixa uma série de pistas para que Quentin possa encontrá-la. Ele então começa uma busca para tentar descobrir o paradeiro da garota por quem é apaixonado, e vai descobrindo que Margo não é exatamente a pessoa por quem ele se encantou. 

Eu nunca tinha lido nada do John Green, e como ele tem uma legião de fãs e muita gente fala bem, resolvi dar uma chance. Escolhi Cidades de Papel para começar (o livro inclusive já virou filme), e sinceramente? Não gostei muito não! Achei a história morna, os personagens não me encantaram, não consegui me envolver e me apegar a eles. Margo é bem chatinha e egoísta, Quentin é fofo mas não me cativou, e o livro tem uma ou outra passagem bacana, mas nada além disso. No geral, eu nem esperava muito do John, mas confesso que fiquei decepcionada. 

Eu não sou a maior fã de romances teen e livros do gênero, mas amei As vantagens de ser invisível, que é bem nessa pegada e um livro lindo (já resenhei ele aqui). Achei que poderia curtir esse também, mas no final já estava doida para que ele acabasse… Agora quero ver o filme, pelo trailer parece que ele é mais divertido e animado!

>> 

Eu li a versão para Kindle, e a versão capa comum de Cidades de Papel tem 368 páginas, e foi publicado aqui no Brasil pela Editora Intrínseca . Dá pra comprar na Amazon Brasil por R$21,90 (comprando através do meu link eu ganho uma pequena comissão, e vocês ajudam o blog a crescer cada dia mais)!

<<<

Vocês já leram esse livro? O que acharam? Quais outros títulos do John Green me indicam? Me contem aqui nos comentários!

Beijocas e boa terça! 

2 thoughts on “Livro ~ Cidades de Papel

    1. Eu vou dar mais uma chance pra ele e de repente leio A Culpa é das estrelas, que é o mais famoso, né.
      Obrigada pelo comentário, Livia!

      Beijos!

Deixe uma resposta